terça-feira, 18 de junho de 2013

Campanhas poderosas: Estamos com estas poderosas campanha em andamento

CLAMOR DO POVO DE DEUS
a igreja Pentecostal Caminhando para o céu está convidando a todos para as poderosas campanhas que estão em andamento.
Todas as Terças Feiras no Conjunto Novo Amparo Temos a campanha: Deus enxugará toda lágrima. NOSSO ENDEREÇO NO NOVO AMPARO É RUA ARACÍ ZUBA DE OLIVA, 22 RUA ABAIXO DO COLÉGIO DO BAIRRO.
TodOs os domingos no Jardim São Jorge temos as campanha: Quebra de espinhos. NO NOSSO ENDEREÇO, RUA BERNARDO PEREIRA TRINDADE, 186
E logo, logo NA PRÓXIMA SEXTA FEIRA DIA 21/06/2013. iniciaremos a campanha de curas divinas e libertação: Verdadeiramente ele levou sobre si todas as nossas enfermidades.

sexta-feira, 15 de março de 2013

DOZE ANOS CAMINHANDO PARA O CÉU. ANIVERSÁRIO DE FUNDAÇÃO.

CONVITE A TODOS DA POPULAÇÃO QUE AMAM A DEUS.

A IGREJA PENTECOSTAL CAMINHANDO PARA O CÉU ESTÁ COMPLETANDO DOZE ANOS DE FUNDAÇÃO E ESTÁ PREPARNDO PARA ISSO UMA GRANDE FESTANÇA. SERÁ NO 2º DOMINGO DE MAIO, DIA DAS MÃES. NA QUADRA DE ESPORTES DO JARDIM SÃO JORGE. VOCÊ É NOSSO CONVIDADO, SUA FAMILIA É NOSSA CONVIDADA. ESTARÁ ABLILHANTANDO O EVENTO VÁRIOS CANTORES CONVIDADOS E A VULSOS E TAMBÉM VÁRIOS PASTORES DE VÁRIAS IGREJAS E PRINCIPALMENTE ESTARÁ PRESENTE O DONO DA FESTA "NOSSO SENHOR JESUS CRISTO" VOCÊ NÃO PODE FICAR DE FORA, SUA FAMÍLIA NÃO PODE FICAR DE FORA. SUA IGREJA ESTARÁ PRESENTE.
VENHA, TRAGA O CIRCULO DE ORAÇÃO, PREPARE CANTIGOS DE AÇÕES DE GRAÇAS E LOUVORES A DEUS, FICAREMOS MUITO FELIZ COM A TUA PRESENÇA.
ESTAREMOS INICIANDO A PARTIR DAS NOVE HORAS DA MANHA E O ESPÍRITO SANTO DE DEUS ESTARÁ DETERMINANDO O HORÁRIO DO TÉRMINO.

AQUI SE REUNE UM POVO CAMINHANDO PARA O CÉU.

PASTOR PAULO CAIOS.

TESTEMUNHO VERÍDICO. UM ANJO NO CAMINHO.


 

ANJOS DE DEUS
SEMPRE ME PREOCUPEI EM AJUDAR SEMPRE QUE POSSO AQUELE QUE NECESSITAR E DEUS SEMPRE TEM ME ABENÇOADO.
AS VEZES NÓS AJUDAMOS ALGUÉM E SEMPRE ESPERAMOS QUE ESTE ALGUÉM VAI NOS RETRIBUIR O FAVOR NA HORA EM QUE PRECISAR-MOS. MAIS A REALIDADE É OUTRA E QUANDO VOCÊ AJUDAR ALGUÉM NUNCA ESPERE O RETORNO DESTE ALGUÉM POIS ISSO NÃO É AJUDA E SIM É APENAS UMA TROCA DE FAVORES.

ACONTECEU COMIGO:

CERTO DIA FOMOS EM UM CULTO MUITO ABENÇOADO NO JARDIM UNIÃO DA VITÓRIA, ZONA SUL DE LONDRINA PARANÁ. FOMOS COM O CARRO SUPERLOTADO DE IRMÃOS. O CARRO ERA UM CORCEL I COM CAPACIDADE PARA CINCO PESSOAS COM O CONDUTOR. FOMOS COM OITO PESSOAS AO TODO. A IGREJA ESTAVA CHEIA DE SERVOS DE DEUS E TODOS GLORIFICAVAM E EXALTAVAM A DEUS MAS ENQUANTO ESTAVAMOS ADORANDO A DEUS O ADVERSÁRIO ESTAVA USANDO CRIANÇAS PARA MURCHAR OS PNEUS DO VEÍCULO. QUANDO O CULTO TERMINOU E NÓS EMBARCAMOS PARA O RETORNO O VEÍCULO NÃO TINHA FORÇAS PARA SE LOCOMOVER, FOI ENGATADO A PRIMEIRA MARCHA E O CARRO SAIU VAGAROSAMENTE. DEPOIS PARAMOS E VERIFICAMOS QUE OS QUATRO PNEUS TINHA SIDO MURCHO POR AS CRIANÇAS.
EU DISSE PARA OS ABENÇOADOS QUE ESTAVAM CONOSCO QUE NÓS DEVERÍAMOS SAIR DALI COM O CARRO MESMO COM O PNEUS MURCHOS POIS O LUGAR QUE ESTAVAMOS NÃO TINHA CONDIÇÕES DE FICARMOS PARADOS E ENTÃO SUBIMOS DEVAGARINHO COM O CARRO ATÉ A AVENIDA PRINCIPAL GUILHERME DE ALMEIDA, POIS ESTAVAMOS NO UNIÃO 6. CHEGANDO LÁ EM CIMA PAREI O CARRO E DISSE PARA OS ABENÇOADOS QUE ELES DEVERIAM SE EMBARCAR EM UM TAXI QUE EU IRIA POSAR ALI MESMO NO CARRO POIS JÁ ERA TARDE E NÃO HAVERIA BORRACHARIA ABERTA NAQUELA HORA.
OS ABEÇOADOS DISSERAM QUE SE EU FOSSE PASSAR A NOITE ALÍ TODOS IRIAM FICAR TAMBÉM COMIGO. ENQUANTO CONVERSAVAMOS SOBRE O ASSUNTO SURGE NAQUELE MOMENTO UM RAPAZ COM UMA MOTO E PERGUNTA O QUE ACONTECEU, A GENTE EXPLICA A ELE QUE OS QUATRO PNEUS ESTAVAM MURCHOS E COMO ISSO OCORREU E ELE DISSE QUE NÃO HAVERIA BORRACHARIA POR PERTO MAIS ELE TRABALHAVA ALÍ EM UMA OFICINA E IRIA ABRIR E VER O QUE PODERIA FAZER PARA NOS AJUDAR. O MESMO RETIROU PNEU POR PNEU E NÃO DEU PARA REMENDAR AS CÂMARAS DE AR POIS DEVIDO TERMOS RODADO COM OS PNEUS MURCHOS AS CÂMARAS CORTARAM TODAS. ENTÃO O MESMO ARRUMOU CÂMARAS USADAS QUE ESTAVAM NA OFICINA E CONSERTOU OS QUATRO PNEUS. 
QUANDO ELE TERMINOU O SERVIÇO EU PENSEI VOU DAR ESTES CINQUENTA REAIS PARA ELE E DIZER A ELE QUE OUTRO DIA VIREI E TRAREI O RESTANTE DO DINHEIRO PARA O PAGAMENTO DO SERVIÇO MAS, QUANDO PERGUNTEI A ELE SOBRE O PREÇO DO SER5VIÇO ELE DISSE QUE NÃO ERA NADA E EU INSSISTI COM ELE MAIS ELE NÃO ACEITOU NADA PARA PAGAMENTO. DISSE QUE DESEJAVA QUE NÓS COLOCASSE ELE EM NOSSAS ORAÇÕES E QUE DISSECE A DEUS PARA ABENÇOAR AO MOÇO QUE CONCERTOU OS PNEUS. PERGUNTAMOS O NOME DELE MAIS ELE DISSE APENAS QUE ERA O MOÇO QUE CONCERTOU OS PNEUS.
ASSIM FOMOS EMBORA REGOZIJANDO E GLORIFICANDO A DEUS POR ESTE GRANDE MILAGRE.
 
DEUS ABENÇOE A TODOS
 
PASTOR PAULO CAIOS

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

COMEÇA EM FEVEREIRO OS MILAGRES DA HORA NONA.

COMEÇA EM FEVEREIRO OS MILAGRES DA HORA NONA.


















ESTA AI, A PARTIR DO DIA 13/02/2013, QUARTA FEIRA. COMEÇA O GRANDE ACON-TECIMENTO DE MILAGRES, PRODÍGIOS E MARAVILHAS NA IGREJA PENTECOSTAL CAMINHANDO PARA O CÉU. ESTE ACONTECIMENTO DAR-SE-Á EM NOSSA IGREJA NO JARDIM SÃO JORGE SEMPRE AS 15 HORAS, MAIS A PARTIR DAS 14h. e 30min. A IGREJA JÁ ESTARÁ ABERTA PARA RECEBER NOSSOS ABENÇOADOS IRMÃOS. HAVERÁ PASTORES E PASTORAS CONVIDADOS, MISSIONÁRIOS E MISSIONÁRIAS, CANTORES E CANTORAS, CIRCULOS DE ORAÇÃO E O PRINCIPAL DE TUDO, NOSSO SENHOR JESUS CRISTO ESTARÁ PRESENTE PARA CONFIRMAR OS MILAGRES NA VIDA DE TODOS QUE SE FIZEREM PRESENTE E AINDA ESTARÁ CONFIRMANDO AS BENÇÃOS PARA OS DEMAIS DA FAMÍLIA.
OS MILAGRES DA HORA NONA NÃO FOI SÓ PARA OS APÓSTOLOS NO INÍCIO DA ERA CRISTÃ, JESUS CRISTO PROMETE QUE ESTES SINAIS SEGUIRÃO AOS QUE CRÊ E VOCÊ COM TODA FAMÍLIA E AMIGOS ESTÃO INCLUÍDOS.
O INÍCIO É NA 2ª QUARTA FEIRA DO MÊS DE FEVEREIRO SERÁ TODAS AS QUARTAS FEIRAS A ABENÇOADA TARDE DA BENÇÃO.

DEUS ABENÇOE A TODOS
PASTOR PAULO CAIOS.

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

EXISTE GRANDES PREGADORES OU GRANDES MENSAGENS.

Lendo um artigo em um blog, postodo pelo pastor Ciro sanches Zibordi e divulgado no blog do Agnaldo, me chamou bastante atenção no qual decidi postar para este blog. É um alerta para todos que desejam ser ministros de Deus. Qual destes pregadores mais se enquadra em seu perfil e qual deste público alvo é o seu?


Pregador humorista. Diverte muito o seu público-alvo. Tem habilidade para contar fatos anedóticos (ou piadas mesmo) e fazer imitações. Ele é como famosos humoristas do gênero stand-up comedy. De vez em quando cita versículos. Mas os seus admiradores não estão interessados em ouvir citações bíblicas. Isso, para eles, é secundário.

Pregador “de vigília”Também é conhecido como pregador do reteté. Aparenta ter muita espiritualidade, mas em geral não gosta da Bíblia, principalmente por causa de 1 Coríntios 14, especialmente os versículos 37 e 40: “Se alguém cuida ser espiritual, reconheça que as coisas que vos escrevo são mandamentos do Senhor... faça-se tudo decentemente e com ordem”. Quando ele vê alguém manejando bem a Palavra da verdade (2 Tm 2.15), considera-o frio e sem unção. Ignora que o expoente que agrada a Deus precisa crescer na graça e no conhecimento (2 Pe 3.18; Jo 1.14; Mt 22.29). Seu público parece embriagado e é capaz de fazer tudo o que ele mandar.

Pregador “de congresso”Entre aspas porque existe o pregador de congresso que faz jus ao título. Mas o pregador “de congresso” anda de mãos dadas com o pregador “de vigília”, mas é mais famoso. Segundo os admiradores dessa modalidade de pregação, trata-se do pregador que tem presença de palco e muita “unção”. Também conhecido como pregador malabarista ou animador de auditórios, fica o tempo todo mandando o seu público repetir isso e aquilo, apertar a mão do irmão ao lado, beliscá-lo... Se for preciso, gira o paletó sobre a cabeça, joga-o no chão, esgoela-se, sopra o microfone, emite sons de metralhadora, faz gestos que lembram golpes de artes marciais... Exposição bíblica, mesmo, quase nada!

Pregador “de congresso” agressivo. É aquele que tem as mesmas características do pregador acima, mas com uma “qualidade” a mais. Quando percebe que há no púlpito alguém que não repete os seus bordões, passa a atacá-lo indiretamente. Suas principais provocações são: “Tem obreiro com cara de delegado”, “Hoje a sua máscara vai cair, fariseu”, “Você tem cara amarrada, mas você é minoria”. Estas frases levam o seu fanático público ao delírio, e ele se satisfaz em atacar as pessoas que não concordam com a sua postura espalhafatosa.

Pregador popstarSeu pregador-modelo é o show-man Benny Hinn, e não o Senhor Jesus. É um tipo de pregador admirado por milhares de pessoas. Já superou o pregador de congresso. É um verdadeiro artista. Veste-se como um astro; sua roupa é reluzente. Ele, em si, chama mais a atenção que a sua pregação. É hábil em fazer o seu público abrir a carteira. Seus admiradores, verdadeiros fãs, são capazes de dar a vida pelo seu pregador-ídolo. Eles não se importam com as heresias e modismos dele. Trata-se de um público que supervaloriza o carisma, em detrimento do caráter.

Pregador “ungido”. Para impressionar o seu público, derrama óleo sobre a própria cabeça ou pede para seus auxiliares fazerem isso. Um desses pregadores pediu, recentemente, para sua equipe derramar doze jarras de azeite em sua cabeça! E o terno? Ah, isso não importa. Somente os fariseus se preocupam com desperdício. Para os fãs desse tipo de pregador tudo atos pretensamente proféticos valem muito mais que uma simples exposição bíblica... 

Pregador milagreiro. 
Também tem como paradigma Benny Hinn, mas consegue superar o seu ídolo. Sua exegese é sofrível. Baseia-se, por exemplo, em 1 Coríntios 1.25, para pregar sobre “a unção da loucura de Deus”. Cativa e domina o seu público, que, aliás, não está interessado em ouvir uma exposição bíblica. O que mais deseja é ver sinais, como pessoas lançadas ao chão supostamente pelo poder de Deus e fenômenos controversos. Em geral, o pregador milagreiro, além de ilusionista e “poderoso” (Dt 13.1-4), é aético e sem educação. Mesmo assim, ainda que xingue ou ameace os que se opõem às suas sandices e invencionices, o seu público é fiel e sempre diz “aleluia”.

Pregador mercantilista. Todas as suas mensagens têm como meta induzir o seu público a dar dinheiro. Esse tipo de pregador existe desde os tempos dos apóstolos (2 Co 2.17; 2 Pe 2.1-3) e, na atualidade, aparece bastante na televisão. Alguns pregadores mercantilistas pertencem também à categoria popstar. Qualquer passagem bíblica pode ser usada a bel-prazer, a fim de atender aos seus propósitos. Isaque é a “melhor oferta financeira”, jumentinho que Jesus montou é “BMW”. E assim por diante.


Pregador contador de histórias. 
Conta histórias como ninguém, mas não respeita as narrativas bíblicas, acrescentando-lhes pormenores que comprometem a sã doutrina. Costuma contextualizar o texto sagrado ao extremo. Ouvi certa vez um famoso pregador dizendo: “Absalão, com os seus longos cabelos, montou na sua motoca e vruuum...” Seu público — diferentemente dos bereanos, que examinavam “cada dia nas Escrituras se estas coisas eram assim” (At 17.11) — recebe de bom grado histórias extrabíblicas e antibíblicas.

Pregador cantante. Indeciso quanto à sua chamada. Costuma cantar dois ou três hinos (hinos?) antes da pregação e outro no meio dela. Ao final, canta mais um. Seu público gosta dessa “versatilidade” e comemora: “Esse irmão é uma bênção! Prega e canta”. Na verdade, ele não faz nenhuma das duas coisas bem.

Pregador “massagista”É hábil em dizer palavras que massageiam os egos e agradam os ouvidos (2 Tm 4.1-5). Procura agradar a todos porque a sua principal motivação é o dinheiro. Ele não tem outra mensagem, a não ser “vitória”, principalmente a financeira. Talvez seja o tipo de pregador com maior público, ao lado dos pregadores humorista,popstar, mercantilista e milagreiro.

Pregador sem graça. É aquele que não tem a graça de Deus (At 4.33). É um pregador bem suado, e não necessariamente abençoado. Sua pregação, literalmente sem graça, é como uma espada: comprida e chata (maçante, enfadonha). Mas até esse tipo de pregador tem o seu público, formado pelos irmãos que gostam de dormir ou conversar durante a pregação.

Pregador chamado por Deus 
(1 Tm 2.7). Prega a Palavra de Deus com verdade. Estuda a Bíblia diariamente. Ora. Jejua. É verdadeiramente espiritual. Tem compromisso com o Deus da Palavra e com a Palavra de Deus. Seu paradigma é o Senhor Jesus Cristo, o maior pregador que já andou na terra. Ele não prega para agradar ou agredir pessoas, e sim para cumprir o seu chamado. Seu público — que não é a maioria, posto que são poucos os fiéis (Sl 12.1; 101.6) — sabe que ele é um profeta de Deus. Sua mensagem é Cristo (1 Co 1.22,23; 2.1-5). Esse tipo de pregador está em falta em nossos dias, mas não chama muito a atenção das agências de pregadores. A bem da verdade, estas sabem que nunca poderão contar com ele...

Qual é a sua modalidade preferida, prezado leitor? Você pertence a qual público? E você, pregador, qual dos perfis apresentados mais lhe agrada? Qual é a sua motivação? Você prega para agradar a Deus, verdadeiramente, ou tem outros interesses?

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

ESTUDOS SOBRE BATISMOS

TEMA: BATISMO EM AGUAS



INTRODUÇÃO
Vamos estudar hoje: o início do batismo cristão, a fórmula bíblica do batismo, por imersão e em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, quem não deve e quem deve ser batizado, o significado e a finalidade do batismo, e a responsabilidade do batizando.

1)  O INÍCIO DO BATISMO CRISTÃO
BatismoO batismo cristão não é um sacramento como ensina a Igreja Católica. A palavra sacramento não existe no Novo Testamento; provém do latim e significa: "o meio de alcançar a graça divina". Jesus não nos deixou nenhum sacramento. Jesus nos deixou duas ordenanças: O Batismo é a primeira ordenança, e a Ceia do Senhor é a segunda”. Convém que todo salvo seja primeiro batizado, para depois participar da Ceia. O batismo cristão começou com o Senhor Jesus. Ele foi o primeiro, ao ser batizado por João Batista.
João era chamado de "Batista" ou o "emergidor" por causa do batismo que Deus lhe mandara realizar. Este batismo, conhecido como batismo de João ou de arrependimento (Mat. 3:5-8 e Atos 19:1-5), era temporário, pois visava a preparar o povo para receber Jesus, fazendo a transição da lei e profetas do Antigo Testamento, para o Evangelho de Cristo no Novo Testamento. O batismo de João Batista era para quem queria arrepender-se e ser salvo. O batismo cristão é para quem já se arrependeu e já está salvo. Jesus não necessitava de batismo, mas batizou-se, dando-nos o supremo exemplo como Homem (Mat. 3:13-17).

2) O BATISMO CRISTÃO É POR IMERSÃO
Há igrejas que batizam por aspersão ou borrifação. Usam a palavra “rantizo” do grego, que significa aspergir ou salpicar. A palavra batismo é apenas transliterada do grego “baptizo”. ”Baptizo“ significa imergir ou mergulhar. Sempre que a Bíblia se refere ao batismo, a palavra usada é “baptizo e nunca rantizo”. Em Rom. 6:3-5 alguns símbolos reforçam o ensino sobre o batismo por imersão, como: "sepultados pelo batismo", "plantados à semelhança da sua morte pelo batismo", etc..
Outros exemplos são o batismo de Jesus e do eunuco (Mat. 3:16; Atos 8:38-39), através das expressões: ”desceram à água” e “saíram da água”. Se o batismo fosse por aspersão, bastaria um copo d’água para salpicá-la na cabeça. Ao contrário, é necessário haver abundância de água para o ato batismal, pois a fórmula bíblica do batismo é por imersão. Tanto o que batiza como o que é batizado, ambos descem às águas.

3) O BATISMO CRISTÃO É EM NOME DA TRINDADE
 O Senhor Jesus determinou que o batismo seja feito em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Há igrejas que batizam só em nome de Jesus. Elas se apóiam em alguns textos de: (Atos 2:38; 8:16; 10:48; 19:5) que falam sobre batismo em nome do Senhor Jesus. Os textos de Atos falam de batismo feito na autoridade do Senhor Jesus (Mat. 28:18), envolvendo, portanto, toda a Trindade.
Os textos citam apenas o nome de Jesus para distinguir (fazer diferença) de outros batismos da época, como o batismo de João, o batismo dos prosélitos, o batismo dos essênios, etc.. Quando o próprio Senhor Jesus foi batizado, a Trindade estava presente (Mat. 3:16-17). Em Mat. 28:18-20 Jesus determinou o batismo em nome da Trindade.
Portanto, a fórmula bíblica correta para o batismo é em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Todo salvo que primeiro quer conhecer tudo da Bíblia para depois batizar-se, contraria o texto acima, onde está claro que o salvo deve batizar-se, e depois, continuar aprendendo sempre mais de Deus.

4) QUEM NÃO DEVE SER BATIZADO
Não deve ser batizada a pessoa ainda perdida. Também não devem ser batizadas crianças recém-nascidas, e as que ainda não atingiram a idade da razão e consciência de pecado. O batismo de criança não tem valor nenhum e cria uma doutrina errada na mente dos adultos. Não existe batismo de criança na Bíblia. A criança ainda não pode crer e crer é um ato de fé.
Ninguém pode exercer fé no lugar da criança, nem por qualquer outra pessoa. Cada um responde por si diante de Deus (Rom. 14:12). Pela criança responde a sua inocência (Luc. 18:15-17). Se morrer sem consciência de pecado está salva. Nós costumamos apresentar as crianças a Deus, conforme o desejo dos pais, consagrando-as e orando para que Deus as abençoe e as livre do mal.
Trata-se de uma tradição bíblica muito importante desde o Antigo Testamento. Era feito sempre pelos judeus. O Senhor Jesus, com oito dias de nascido, foi levado ao Templo para ser apresentado e consagrado a Deus (Luc. 2:21-24). Porém isto nada tem a ver com o batismo. Jesus nos deu o supremo exemplo em tudo. Jesus batizou-se com quase 30 anos (Luc. 3:21-23).

5)  QUEM DEVE SER BATIZADO
Em Atos 8:36-38 há uma pergunta sobre a condição para o batismo. A resposta é: O batismo é lícito a todo o que crê, isto é, que tem certeza da salvação. Em Marc. 16:16 Jesus diz: "Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado". Cremos ser esta a interpretação do texto: o “crer” no original grego tem um sentido amplo, abrangendo também a salvação de todos os males desta vida.
Aquele que tem certeza da salvação e não quer batizar-se, desobedece à ordenança de Jesus. Desobediência é pecado e o pecado produz males e sofrimentos. Jesus quer nos salvar também desses males e sofrimentos nesta vida, mas isto está condicionado à obediência, a toda a vontade de Jesus, incluindo-se aí o batizar-se.
O batismo não salva nem ajuda a salvar e não lava os pecados de ninguém. Da mesma forma, as boas obras não salvam nem ajudam a salvar. Lembre-se: Jesus salva sozinho. Compare, João 3:16-18; Rom. 3:20 e 28; Ef. 2:8-9. O batismo só deve ser ministrado a quem já se converteu a Jesus; quem tenha experimentado arrependimento sincero de pecados, tenha crido pela fé em Cristo, tenha certeza do perdão e da salvação.
Todo aquele que já passou por essa experiência sente o desejo incontrolável de selar a sua fé pelo testemunho público do batismo. Assim, deve ser batizado todo aquele que já está salvo, para cumprir e obedecer à ordenança do Senhor Jesus. A Bíblia nos mostra vários exemplos. Todos que criam, e eram salvos, eram logo batizados (Atos 2:38 e 41; 8:12 e 16; 8:36-38; 9:18, etc.). O batismo em águas nada tem a ver com o batismo no Espírito Santo. No entanto, todos devem orar pedindo o batismo no Espírito Santo...

6) SIGNIFICADO E FINALIDADE DO BATISMO         
batismoO ato do batismo é um momento de alegria no Céu. É um ato solene, festivo e de grande importância para a vida do batizando e da Igreja que o recebe. Quando o salvo desce às águas batismais e é coberto por elas, declara que, ao crer em Jesus, morreu para o mundo de pecado e foi sepultado com Cristo.
Simbolicamente, quando ele sai das águas, está declarando que ressurgiu para viver uma nova vida em Cristo (Rom. 6:6-14; Col. 2:12).
Assim, o significado do batismo é morte, sepultamento e ressurreição. Quando somos batizados, declaramos que Cristo morreu na cruz pelos nossos pecados para que nós morrêssemos para o pecado. Declaramos, ainda, que nos arrependemos, cremos pela fé e aceitamos a Cristo e Seu sacrifício como único meio de salvação, que recebemos o perdão, estamos salvos e seguros em Cristo e dispostos a servi-Lo e segui-Lo todos os dias da nossa vida.
Portanto, a finalidade do batismo é dar testemunho público da fé e salvação em Jesus Cristo. Com o ato do batismo, proclamamos sem palavras e publicamente, e especialmente diante da Igreja, a salvação e a transformação que Jesus realizou em nosso interior. Isto glorifica ao Senhor (1a Cor. 6:20).    
       
7) A RESPONSABILIDADE DO BATIZANDO
O batizando deve estar liberto de toda a sorte de vícios e jogos (João 8:32 e 36; Luc. 21:34-36), ter sua situação matrimonial legal (1a Cor. 6:18) e vestir-se de forma decente (1a Tim. 2:9-10; 1a Ped. 3:1-7). A Bíblia diz (1a Cor. 11:14-15; Ez. 44:20) que é desonra para o homem usar cabelo comprido, mas para a mulher, isto lhe é honroso. O batismo é um ato de seriedade e de responsabilidade. O batizando deve ter certeza de que já está salvo (Atos 8:36-38).
Se o salvo morrer sem ter oportunidade de ser batizado irá para o Céu. Foi o caso do ladrão da cruz (Luc. 23:33-43). Quando você creu em Cristo e foi salvo, passou a fazer parte da Igreja ou o corpo de Cristo mundial, e passou à posição de filho de Deus. Quando você é batizado (não havendo nenhum impedimento), passa também a ser membro da Igreja local. Isto lhe concede direitos e deveres.

A) DIREITOS
Como membro, você tem direito de votar e ser votado para cargos ou funções nas assembléias da Igreja, participar das discussões e dar opiniões, participar da Ceia do Senhor, etc...

B) DEVERES
 Você tem o dever de manter comunhão com seus irmãos em Cristo, manter os cultos com sua presença, ser fiel em tudo na sua vida em geral, diante de Deus e dos homens. Ser fiel nos dízimos e ofertas, participar da vida ativa da Igreja, servindo a Deus de coração. Dar testemunho compatível com o Evangelho em todos os ângulos da sua vida, etc..
Deve consagrar a Deus sua vida, sua família e tudo o que possuir ou o envolver. As figuras abaixo dão a idéia do culto do batismo. Você estudou a Bíblia, creu e está salvo. Convidou para o seu batismo os familiares, vizinhos, conhecidos, amigos e até os inimigos. Todos assistem e juntos com o coral adoram a Deus pelo seu batismo.

C) APELO
Este estudo aplica-se mais aos salvos. Se alguém, no entanto, ainda não nasceu de novo e não tem certeza da salvação, arrependa-se e creia pela fé que os seus pecados crucificaram Jesus. Creia que Cristo já recebeu na cruz o castigo que você merecia, e receba hoje pela fé o perdão e a salvação (Rom. 3:20 e v. 28; Ef. 2:8-9; Isaias 53:4-6).
 
CONCLUSÃO
O batismo cristão começou com Jesus. Não é um sacramento mas a primeira ordenança. Deve ser feito por imersão e em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. O batismo assim como as boas obras não salvam nem ajudam a salvar. O batismo é para os salvos. Todo o salvo deve batizar-se, obedecendo à ordenança de Jesus. Dando o testemunho público de sua fé e salvação em Jesus Cristo. Deve integrar-se à vida ativa da Igreja, sempre exercendo seus direitos e deveres, sendo abençoado e sendo uma bênção. Leia a Bíblia. Comece pelo Novo Testamento. Amém.
Reestude em casa este assunto lendo todos os textos, responda às perguntas da folha de respostas e receba muitas bênçãos.

Deus abençoe a todos
Pastor Paulo Caios

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

ESTA COMEÇANDO A CAMPANHA DE SEXTA FEIRA

COMEÇA NESTA SEXTA FEIRA A GRANDIOSA CAMPANHA DE DESTRUIÇÃO DE TODO MAL. NESTA SEXTA FEIRA DIA 18/01/2013 A PODEROSA CAMPANHA: A UNÇÃO QUE DESPEDAÇA O JUGO. SERÃO SETE SEXTAS FEIRAS DE MUITO PODER E NOSSO SENHOR JESUS CRISTO ESTARÁ QUEBRANDO O JUGO DA MISÉRIA, DAS BRIGAS NA FAMILIA, DO DESEMPREGO, DAS ENFERMIDADES E DOENÇAS E DE TODO MAL ATRAVÉS DA UNÇÃO COM AZEITE EM NOME DO SENHOR JESUS CRISTO.
A IGREJA CONVIDA A TODOS PARA SE FAZEREM PRESENTE NESTES ACONTECIMENTOS FENOMENAL E JESUS CRISTO ESTARÁ GARANTINDO VITÓRIAS A TODOS. OS DIAS SERÃO: 18/01, 25/01, 01/02, 08/02, 15/02, 22/02, 01/03/2013. A IGREJA ANTECIPA AGRADECIMENTO A TODOS QUE SE FIZEREM PRESENTES.


DEUS OS ABENÇOE.
PASTOR PAULO CAIOS